Translate

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Eu tenho que dizer que amo o Brasil...

É engraçado ver o que incomoda.
É engraçado de mais parar para perceber o que realmente incomoda as pessoas. Não tem nem uma semana que eu estou de volta e tudo parece exatamente como antes, nada mudou... Aqui.
O brasileiro não se importa se você é eficiente, ou o que seja. O Brasileiro se incomoda com o seu jeito de andar, de falar, de vestir e de se comportar. Se você não faz nada da vida em silêncio, que se dane! Se você faz o que deve ser feito com barulho: apedrejamento.
Sinto falta dos seres um pouco mais racionais, que não me interessa o que as outras pessoas venham dizer "que na Europa também há crápulas", "que nas história da Europa o povo blá-blá-blá"... Comigo, estou falando da particularidade e unicidade do indivíduo particular que sou eu, comigo não foi assim.
Eu já estou mais cansada em uma semana aqui do que em quase seis meses por lá.
Aqui, algumas pessoas me cansam e elas se cansam facilmente comigo.
É como se eu estivesse no lugar errado, pois o jeitinho brasileiro foi feito para brasileiros que se adaptam a receber e praticar esse jeito maroto. Eu não!
Vejo uma porta que se abriu quase fechando, antes mesmo que eu termine de passar por ela. Mas, quer saber, QUE SE DANE!
Se tem uma coisa que eu aprendi nessas viagens doidas da vida: DINHEIRO NENHUM NO MUNDO PAGA MINHA FELICIDADE.
Hoje foi. Graças a Deus fim de semana vem ai para eu respirar e tentar fugir dos policiais do bom comportamento, mas duvido muito que eu consiga.
Quando eu digo que o sistema brasileiro te obriga a ser corrupto ninguém acredita em mim... Mas, é assim. Se você for corrupto em silêncio, que se dane o mundo. Agora, não tente ser honesto e trabalhador com sua personalidade, a santíssima inquisição brasileira te aguarda.

Bem vindo ao país onde as pessoas não sabem lidar com quem tem personalidades diferentes!

Boa tarde,

Nota: Nada pior para os demais do que ter minha pessoa por perto desmotivada.

Elisa Macedo, do CT de uma CH.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.