Translate

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

85º Dia - Última Semana

Foto: Isabella Moura
 Já não me bastasse  hoje ter ido à aula com roupa de auxiliar de Papai Noel, de nada me adiantou encapotar-me toda, porque o frio não deu trégua. Pois é, o frio chegou ao Algarve, mas junto com ele duas notícias que me deixam com um sabor paradoxal em minha boca.
A primeira notícia é boa. Essa semana é a semana mais louca que eu tenho em termos acadêmicos. Tenho sete dias, para falar a verdade, seis para finalizar meus trabalhos. Então, essa é a última semana de pura "balada acadêmica"! Hoje eu já comecei a finalizar meus trabalhos que eu já tinha deixado no ponto de bala, só que finalizar parece algo muito fácil quando se está criando, porém, quando evidentemente se tem que finalizar, meu Deus do céu! Parece que por mais que você faça, o negócio não acaba nunca.É igual o suco do desenho do Doug Funny.
Foto: Mine Karabulut
Mas ai você pode está se perguntando, qual a parte boa nisso tudo? Pois bem, a parte boa é que além de gostar de estudar (calma, não me matem!), passar uma semana inteira finalizando todos os trabalhos significa o óbvio: que todos os trabalhos serão finalizados, ou seja, semana que vem é semana de apresentações e depois: VACATION! E eu vou brincar de assistente de Papai Noel nas terras da Rainha, com direito a flocos de neve e tudo mais! lol
Bom, a parte chata é que as aulas acabando, férias chegando significa uma outra coisa: hora de voltar para casa também está vindo junto.
Não me chamem de egoísta, eu também estou com saudades de casa, dos meus familiares, da comida da minha mãe, do meu quarto? Acho que um pouco! Saudades da igreja, da Luana e, até da Facom! Estou com saudades dos meus amigos, do meu trabalho, de um monte de coisa, porém eu gosto muito daqui.
Esse fim de semana eu tive uma confirmação muito louca para mim mesma. Até mesmo quando eu estou triste aqui, a tristeza é uma situação momentânea e se eu parar para pensar na vida sem aquele momentozinho ali, eu sou feliz! Sério, eu sou feliz aqui.
Foto: Isabella Moura
Não que no Brasil eu não fosse, mas aqui eu me sinto produtiva, minhas capacidades aumentadas e as pessoas perto de mim com interesses parecidos, então, um ajuda o outro, por mais que venhamos nos acotovelar também. Eu amo caminhar por essas ruas com luzes laranjas, ver o sol ficar vermelho no horizonte perto da marina, o vento gelado no meu rosto, o meu quarto, eu gosto de tudo aqui. Gosto daqui porque eu passo os dias conversando com Deus toda hora e não somente num horário marcado, pois toda hora tem algo novo para contar e perguntar pra Ele.
Minha vontade era comprar passagens aéreas para meus pais e as pessoas que me importo e trazer para cá. Só que eu não me engano, eu sei que aqui, o Algarve, não é o meu lugar. Assim como o Brasil também não. Talvez eu vire astronauta, vai saber!
Foto: Mine Karabulut
Bom, por mais que esse mix esteja acontecendo dentro de mim, eu fico feliz de poder abraçar meus pais de novo, ver minhas sobrinhas feiosas com cara de ratos de laboratório (mentira, elas são lindas!), apertar os peitos da minha avó, pedir dinheiro para o meu avô, cumprimentar meus vizinhos, pegar ônibus (Oh God!) e de reclamar do calor. Vou ver meus amigos da igreja, fazer tantas coisas que eu acho que assim como não tive tempo de vir pra cá sentindo saudades, não terei tempo de voltar e absorver tudo o que aconteceu.
Tem coisas na minha vida que é realmente como um sonho. Eu durmo e acordo no mesmo lugar, porém durante o intervalo eu fiz tanto coisa que nem sei explicar!
Pois bem, deixe-me parar de jogar conversa para os ares virtuais e terminar meu "dicionário" de Análise de Políticas Públicas.
Abraços pessoas e que Jesus Cristo os abençoe.


Elisa Macedo, de Portugal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.