Translate

domingo, 3 de julho de 2011

Uma chance!
Pode não ser o suficiente, mas, muitas vezes, é a única coisa que temos.
Uma chance... Uma chance para mostrar quem somos, o que queremos, porque lutamos. Uma chance, apenas... Uma chance e nada mais que uma única chance, para impressionar aqueles que você ama, para provar o seu valor e para dizer ao mundo: Eu existo.
Para falar a verdade, é sempre assim. Por mais chances que venhamos ter, na realidade, cada chance é apenas uma... Única... Que deixaremos uma impressão que - quem sabe - não iremos mais poder tirar.
Foi uma chance. Posso dizer que ela não foi desperdiçada, posso dizer que foi mal aproveitada, mal interpretada e mal compreendida.
O mundo está ai, cheio de pessoas querendo apenas uma chance para mostrar que merecem um lugar ao sol. Tivemos a nossa... Não deu desta vez... Talvez eu pudesse falar "não podemos dizer que não tentamos", mas, infelizmente, eu tenho consciência  que a frase é "poderíamos ter nos esforçado mais." Mas, sei que aprendemos. E, isso é bom, aprender.

Não podemos dizer que não valeu a pena.
Hoje, mais uma vez, eu aprendi uma coisa. Essa não foi tão boa, mas não deixou de ser aprender. Hoje eu aprendi... Aprendi a perder.

Mas o que não podemos é perder o foco.

Que venha o ano que vem!

Nota: Sempre há uma vitória. Tenho certeza, que se não vencemos essa, é porque nos impediria de ganharmos outra. E, isso não é frase de consolação, mas porque eu acredito que Deus tem um propósito em tudo, nem que seja nos ensinar a nos esforçarmos mais. Amo vocês garotas! E bola pra frente. Temos muito que ensaiar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.