Translate

domingo, 10 de abril de 2011

Hoje eu estava concentrada em planos maiores quando, de repente, alguém me veio a mente. E, de uma forma estranha comecei  a sentir forte o seu perfume penetrando minhas narinas que quase me asfixiei, mas se não sentisse aquele aroma eu correria o risco de ficar sem ar para sempre.
Não só hoje, mas me lembrei.
Lembrei-me de quando tudo era bom e havia risos. Lembrei de quando havia festas em uma piada e tanto amor em andar de mãos dadas. Lembrei que não era necessário estar tão perto para sentir tanto amor.
Hoje me lembrei, ou melhor, lembraram-me que o amor não é medroso. Ele tem coragem de enfrentar tudo e faz o outro feliz. Hoje me dei conta de que nunca tinha deixado de dar conta. Então, percebi que ainda que realmente alguém tivesse usando o seu perfume, pelo menos o que eu senti ali não foi obra da minha imaginação.
Que seja o que vier.

NOTA: essa semana eu atualizo direito o blog e volto a comentar nos blogs que eu sigo.
abraços,
Seyal Layes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.