Translate

terça-feira, 1 de março de 2011

Antes de bloquear de vez o acesso de milhares de pessoas a esse blog nem tão badalado, eu gostaria de deixar uma reflexão para esta semana.
Você já viu nos olhos de seu pai o medo de perder quem ama, por conta das atitudes de pessoas que não mudam?
Eu sim. Confesso... O assunto foi sobre uma pessoa, mas, no entanto, muitas outras vieram a minha mente.
Uma bela e quase nublada manhã, acordo eu com alguém que eu costumava amar muito. Acordo com o som de sua voz, não era sonho, depois de muito tempo ele estava aqui. É incrível quando planejamos o reencontro em nossa mente e tudo parece perfeito, mas, quando ele realmente acontece, aquele sentimento de indiferença te domina e você procura olhar para aquela pessoa procurando algo de bom, alguma mudança, a mínima para acalmar o seu coração e alimentar as suas expectativas de que ela irá mudar... Mas não! Não, não, não... Só fica em nossa mente a imagem do "o que eu fiz para isso?"
É doloroso ter que arrancar, como se arranca uma plantinha bonita de um vasinho pela raiz, tirar tudo e não deixar nada. É doloroso arrancar o amor por uma pessoa apenas pelo fato de que ela ama viver na mediocridade e não é capaz de enfrentar a vida, os conhecidos, a si mesmo, por amor próprio, por amor a quem se ama, por amor a quem as ama.
Meu pai me disse "Deus não irá ajudar se não houver uma pré disposição da pessoa", sabe, Deus nos ajuda até sem nossa pré disposição, mas há momentos que temos que fazer nossas escolhas. É verdade, Deus não se impôs a nós... Deu-nos o livre arbítrio e, infelizmente, há pessoas no mundo que irão escolher não mudar.
Fico triste porque a maioria das pessoas que eu verdadeiramente amei, sonhei, idealizei, fizeram tal escolha e, a partir do momento que decidiram isso, também decidiram me abandonar.
Até hoje ainda espero que digam "estou aqui, não mudei, mas quero. Preciso de ajuda. Ajude-me", mas com o passar dos dias eu começo a perceber que esta é uma espera inútil!
Sei que se Deus quisesse mudaria tudo em menos de um estalar de dedos, mas a humanidade vai de mal a pior porque espera que Deus tome as atitudes que ela deveria tomar.
Em obediência a meu pai, a sua preocupação com minha vida, com meu bem estar, saio... Retiro-me desta posição de espera pelo inútil e me coloco a espera de um bem maior da parte de Deus.
Não posso dizer que "seja o que Deus quiser", pois não é da vontade de Deus que os que Ele ama venham se perder, então, direi apenas "Que Deus, nosso Senhor, ilumine o caminho de vocês, guarde-os, guarde a vida e alma de vocês, ensine-os o amor, a amar, a viver... A mudar, que além de que Deus os encontre, vocês também se encontrem com Deus".
Que o Senhor os proteja em suas escolhas e caminhadas para que nada de ruim os sobrevenham.
Quando estiverem prontos para mim, eu também estarei pronta para amá-los novamente.

E.M.S

2 comentários:

  1. noooossa prima... sei do que vc fala aqui, mas ei, como eu disse lá no blog, confiança em Deus. Confie e espere no Senhor. Ele é fiel. Bjs te amo.

    ResponderExcluir
  2. Uai Seyal. como assim bloquear o blog? Vc fala de Deus aqui e nunca se deve bloquear a palavra de Deus...
    Ontem fui entrar no seu blog e ele disse que só convidados poderiam entrar... eu não entendi, hahahaha. Minha amiga tão doce e fiel está chateada?
    Não fique chateada não, porque nem tudo é como a gente deseja e ninguém é obrigado a fazer os nossos gostos.

    Deus a abençoe agora e sempre!

    ResponderExcluir

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.