Translate

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Século 21 - falsidade

Estamos no século que impera a aparência, a futilidade, o esteriótipo e por conta disso eu digo, o olho é meu e se eu quiser tirá-lo e comer, eu tiro e como e não é da conta de ninguém.
Estou cansada das pessoas falsas, que nos tratam bem por conviniências e seguem o fluxo do senso comum, ou então aquelas que precisam nos usar para se aparecer para alguém. Sai fora, não sou estandarte ok?
Cansei de todo mundo.
Cansei do século 21, cujo as pessoas guardam o que pensam na carapaça e perdem a oportunidade de desfazerem mals entendidos, ou então de revelar as pessoas o que o mundo realmente pensa dela e acabar descobrindo o que o mundo pensa de você.
Se você diz que o que dizem de você não importa, vou te dizer algo, você se importa mais que os outros só não aceita isso e usa essa frasezinha ridícula para se esconder.
Mas no final das contas... Dane-se tudo e todo mundo, só que você fizer irá importar mesmo!
Odeio, odeio gente falsa!
Caraca... 2008 foi o ano do preconceito na minha vida, perdi namorado, amigos, gente que eu achava legal e pessoas que me tratavam bem pelo simples fato de não gostarem de negros. Esse ano ta sendo o ano da falsidade e da mentira, parece que perto de mim só tem gente querendo me ludibriar e enganar.
O problema é que quando seus olhos se abrem para uma nova visão, ele nunca mais volta a deixar passar alguma coisa despercebida.
Cambada de falso... que se consumam, que se envaginem para dentro de si mesmos.

2 comentários:

  1. A falsidade é ruim mesmo, o pior é que quando vc descobre que alguém é falso com vc, aí já pode ser tarde .
    Eu postei um texto hoje no meu blog falando de pessoas assim também, dá uma lida lá, acho que vc vai gostar !

    http://amansim.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. nem me diga,,,
    bom vou lá dar uma olhada

    ResponderExcluir

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.