Translate

terça-feira, 16 de junho de 2009

"Aprendendo a viver e a conviver para sobreviver"


"Aprendendo a viver e a conviver para sobreviver".


Criei essa frase praticamente agora como forma de expressar como temos que nos enquadrar nesse mundo para sermos aceitos por essa sociedade corrompida.

Muitas vezes as pessoas pensam que tem que se tornar iguais a todo mundo para se encaixar e não ser somente mais um na multidão, mas acabam sendo ainda assim.

A questão não é querer que o mundo te aceite e nem aceitar o mundo, mas aprender a conviver para literalmente sobreviver, temos que entender as pessoas mesmo não aceitando e não concordando com suas idéias, mudamos o possível e lutamos contra o impossível para torná-lo possível. não podemos sair por ai gritando: "Mude para mim te amar"!

Mas entender as pessoas na sua individualidade e amando elas pelo que são.

Muitas pessoas até querem mudar mas não tem aquela mão estendida como que dizendo "Segura que eu te ajudo!"


Por onde anda os amigos?

Os sentimentos?

É um texto meio incoerente, mas se a vida fosse toda coerente não teria motivos de exisitir tantos questionamentos não é verdade?


"Não conformeis com esse mundo mas modificai-o com a renovação do vosso entendimento, para que seja feita toda a boa, agradável e justa vontade de Deus".

É algo assim. ;P


*Muitas vezes somos obrigados a conviver com coisas das quais não aceitamos. Temos que abraçar causas que não são nossas e muitas vezes somos até contra, mas a sociedade não vai roubar de mim umas das coisas que eu tenho de mais valor: MINHA OPINIÃO.

Sou honesta comigo mesma para aceitar que as vezes, muitas vezes, preciso mudá-la, mas tenho garra o bastante para lutar por esta quando ela está correta e com fins sociais. Não deixe a sociedade matar o ser humano que tem dentro de você, e não deixe o ser humano se alto flagelar dentro de ti, impertigando e dominando o que de mais puro o ser humano tem: A ALMA.

(*Sinto que ainda falta algo, ou que falei algo que não queria falar), quando descobri eu coloco, ou tiro! ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leu a postagem? Então não deixe de comentar. Abraços e que Jesus os abençoe, Elisa Macedo.